março 17, 2005

Os diferentes tipos de amizade

Durante a nossa infância, tendemos a fazer muitos amigos, a gostar de todas as crianças que nos rodeiam, porque temos a necessidade de nos socializar, de estabelecer relações com as crianças que nos rodeiam, somos pequeninos e por isso necessitamos da atenção dos nossos amiguinhos! Nesta fase, penso que a amizade que estabelecemos é uma amizade mais geral, e, apesar de termos o nosso amigo mais especial, o nosso melhor amigo, vivemos a nossa infância numa espécie de um todo, todos nos vemos uns aos outros como os nossos amigos.
No entanto, ao longo do nosso crescimento, principalmente na fase da adolescência, começamos a tornar as nossas amizades mais concretas e sólidas, estabelecemos uma amizade mais particular, tendemos a identificar-nos mais com uma(s) pessoa(s) do que com outra(s). Isto faz com que nesta idade façamos amizades mais intimistas e com um maior sentimento de aproximação.
É assim que “fazemos” os nossos melhores amigos, aqueles a quem confiamos os nossos problemas, os nossos segredos, no fundo, toda a nossa vida.
É por isso que é muito importante não nos isolar, muito pelo contrário, devemos aproximar-nos tanto quanto possível das pessoas, porque esta fase marca profundamente a nossa vida, pois é nesta fase que nos sentimos mais inseguros e em que o mundo parece estar todo contra nós!
Depois de passada a adolescência, quando nos tornamos adultos, é importante ter amigos, pessoas com quem possamos passar boas experiências, com quem nos possamos divertir e conviver, pessoas que conheçamos e que nos conhecem realmente! É por isso que a amizade nos acompanha durante toda a vida, é importante que reconheçamos os nossos amigos como pessoas cuja presença na nossa vida é indispensável!

Posted by danielasilvam at março 17, 2005 11:54 AM
Comments
Comentário









Lembrar-se de mim?